Skip to content

Axiologia, a ferramenta de avaliação de talentos mais eficiente do mercado!

O que mais as empresas buscam é encontrar, reter e engajar talentos dentro da organização, mas a realidade está bem longe disso.

Pesquisas da Deloitte comprovam que apenas 13% dos colaboradores estão engajados com a empresa. 95% dos pesquisados declaram estar insatisfeitos com os programas de retenção de talentos e engajamento oferecidos. 98% afirmam ser necessário desenvolver suas lideranças. Acontece que 60% dos gestores de recursos humanos dizem não possuir programas adequados para medir e melhorar estes números.

Eu não vou solucionar este problema, mas posso trazer uma luz no final do túnel para algumas questões:

  • Será que os gestores, o RH e os colaboradores sabem de fato quais são seus talentos e pontos de melhoria?
  • Possuem autoestima e acreditam que são capazes de alcançar seus objetivos e metas da empresa?
  • Compreendem as pessoas que vivem ao seu redor com empatia e clareza de suas necessidades, medos, dificuldades…?
  • Possuem clareza do que precisa ser feito e qual o passo a passo para assim realizar as tarefas demandadas?
  • Entendem que a empresa é um sistema e que suas regras, procedimentos e hierarquia precisam de fato ser seguidos?
  • Sabem os seus papéis na vida pessoal e profissional para conseguir fazer uma entrega de qualidade?
  • Querem realmente trabalhar na empresa em que estão? Ou ao menos sabem por qual motivo saem da cama de manhã?

Certeza absoluta de que o RH e os gestores não possuem estas respostas, mas podem. Basta entender um pouco mais de um assessment chamado Axiologia. Baseada na obra literária The Structure Of Value (infelizmente ainda não possui versão em português) escrita por Robert Hartman.

Esta metodologia avalia o quanto o indivíduo possui clareza do mundo em que está inserido e do seu mundo interno. Identifica talentos e preferência por um estilo de tomada de decisões. Por exemplo: estilo pessoal, prático ou analítico.

Segue abaixo um breve resumo sobre as seis dimensões avaliadas na Axiologia, a saber:

EMPATIA

Está vinculado a pessoas em uma perspectiva interpessoal. É a sensibilidade em relação a situações que acontecem na vida das outras pessoas. Ouvir os outros com uma mente mais aberta e mais receptiva.

PENSAMENTO PRÁTICO

Ligado a tarefas e perspectiva externa, o que é mais tangível e observável. A comparação mais prática das coisas. Maior atenção aos processos e detalhes. Como sair de um ponto A para chegar a um ponto B.

JULGAMENTO DE SISTEMAS

É uma perspectiva mais voltada a sistemas, ordem, autoridade, leis e políticas. Voltado mais ao pensamento e planejamento, conceitos e ideias.

AUTOESTIMA

É a consciência de si mesmo, uma perspectiva intrapessoal. Quem realmente somos em nossa singularidade. Clareza sobre pontos fortes e de melhoria. Sentir-se bem com você mesmo e assim se dar o devido valor.

CONSCIÊNCIA DA FUNÇÃO

Vinculada ao fazer. Ter realização naquilo que faz e clareza de todos os papéis que executa em sua vida. Harmonia e equilíbrio entre todos os papéis e ter satisfação com eles.

AUTODIREÇÃO

Representa a parte mais estrutural. Ter clareza de futuro, de onde quer chegar, autoimagem e autoconhecimento.

Agora, imagine então você ter estas informações de forma rápida e tecnológica de todos os seus colaboradores?

Com o preenchimento de um simples questionário, que deve demorar em torno de 10 minutos, você pode ter clareza de como funciona a mente de cada um deles. E, desse modo, pode orientá-los da forma correta, retendo-os e engajando-os. E, o mais importante, desenvolver aquilo que realmente é necessário em cada um, sem desperdício de tempo e recursos.

Hoje a Axiologia é o assessment utilizado pelas maiores empresas do mundo. Não é à toa que elas são as maiores e que muita gente trabalharia nelas de graça. Pense nisso!!! Será que alguém trabalharia na sua empresa de graça??? Será que os colaboradores compram e vendem a empresa a qual estão inseridos???

Não pude adentrar em detalhes da teoria aqui, pois este artigo iria se tornar um livro, mas ficou curioso e quer saber mais? Então entre em contato comigo que eu te explico como tudo funciona. Você vai se encantar com as possibilidades que esta ferramenta pode trazer para dentro da área de desenvolvimento humano das organizações.


Katia Miyazono – Sócia diretora da Acerto RH, Especialista em Assessment (DISC, Valores, Motivadores, Inteligência Emocional, Competências, Axiologia, Atributos, Talentos, Avaliação 360° e Profiler) Coaching e Idealizadora do grupo de estudos Café com Assessment.

Related Post

Qual o perfil comportamental ideal para liderança?

Para quem trabalha com avaliações que medem perfil comportamental como metodologia DISC, MBTI, PI, Profiler e outros que existem no mercado, fica aqui o meu alerta: Vocês precisam tomar muito

Orientação de carreira, qual assessment utilizar?

Acompanho muito de perto o mercado de assessment e o que mais vejo são profissionais usando ferramentas elaboradas em Excel ou um DISC para fazer uma orientação de carreira. ERRO grave! O DISC não mede

Qual a importância em desenvolver o autoconhecimento?

Cada dia mais recebemos uma enxurrada de informações sobre o tema autoconhecimento. São um monte de técnicas, vários profissionais, muitos “gurus” trazendo todas as soluções possíveis e imagináveis para que

Como utilizar o Assessment para Identificar e Reter Talentos

Assessment nada mais é do que uma forma de avaliação e aqui iremos abordar os assessments para avaliação de pessoas e talentos para entender como eles podem ajudar a identificar os talentos e

Solicitação de Contato

Nos mande uma mensagem, e em breve retornaremos o contato.

Open chat
Fale com a gente